Bookmaker artbetting.co.uk - Bet365 review by ArtBetting.co.uk

Bookmaker artbetting.gr - Bet365 review by ArtBetting.gr

Germany bookmaker bet365 review by ArtBetting.de

Premium bigtheme.net by bigtheme.org

Festival de Gastronomia de Santarém realiza-se de 22 de Outubro a 1 de Novembro

Paulo Araujo 18 Setembro, 2015 0
Festival de Gastronomia de Santarém realiza-se de 22 de Outubro a 1 de Novembro

A 35.ª edição do Festival Nacional de Gastronomia – FNG, que decorre de 22 de outubro a 1 de novembro, na Casa do Campino, foi apresentada ontem, 17 de setembro, em Conferência de imprensa, na Casa Pedro Álvares Cabral/Casa do Brasil.

Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara de Santarém, Luís Farinha, Vereador com o pelouro do Turismo da autarquia Scalabitana e António Ceia da Silva, Presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, apresentaram o programa deste Festival que se apresenta renovado e apresenta melhorias nas condições de acolhimento das pessoas, com o objetivo de reforçar a importância deste Festival a nível nacional, de modo a transformar Santarém na capital da Gastronomia.

O Festival Nacional de Gastronomia é nacional, mas “diferenciador de centenas de outros eventos que foram surgindo no País”, defenderam os presidentes do município, Ricardo Gonçalves e da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e do Ribatejo, Ceia da Silva.

Ceia da Silva destacou ainda importância da estruturação de produtos turísticos numa região onde a procura turística tem vindo a crescer de forma sustentada (mais 30% de procura interna só no passado mês de julho) e salientou o trabalho que tem vindo a ser realizado com a Câmara de Santarém para a realização de ações ligadas à gastronomia ao longo do ano, de modo a criar o Observatório da Gastronomia, com a recolha de receituário tradicional.

A apresentação de alguns aspetos inovadores da imagem deste Festival foi realizada por Ricardo Agostinho, Diretor da empresa Gravity, que anunciou que vai ser apresentada uma nova página da internet (a divulgar brevemente), bem como alguns aspetos que dizem respeito à manutenção da imagem do Zé das Papas, embora aliada à imagem de Santarém como cidade a Descobrir, a Visitar, visível, através da apresentação de um pórtico representativo de um monumento, a que se juntam talheres.

A este respeito, o Vereador Luís Farinha referiu que nesta edição, para cada bilhete, é oferecida uma visita guiada pelo Centro Histórico de Santarém, de modo a levar as pessoas a Descobrir Santarém.

“Descubra Santarém enquanto prova Portugal” é o mote da 35ª edição do Festival Nacional de Gastronomia que, durante onze dias, oferece 12 restaurantes: Do Dia pra Noite, da Madeira, José do Rego, dos Açores, Nau dos Corvos, de Peniche, O Camelo, de Viana do Castelo, O Flor, da Serra da Estrela, O Lampião, de Évora, Os Comeres Barrosões, de Boticas, O Torres, de Vila Verde, Sal, Alho, Etc, de Portalegre, Taberna do Quinzena, de Santarém, Tasca Rasca, de Faro e Tasquinha da Marinhoa, de Coimbra, para além de tasquinhas nas cavalariças, que representam diferentes regiões nacionais, incluindo os Açores e a Madeira.

Esta edição apresenta ainda como novidades: um 13º restaurante temático – Lucky 13, que apenas serve jantares por marcação, limitados a 50 pessoas por refeição, entregue a um Chefe que não tem estrutura de residente mas que muda diariamente (à exceção do dia de abertura e de encerramento do Festival), e que vai apresentar uma cozinha que tem como base a matriz tradicional deste Festival sem esquecer os novos valores da gastronomia.

Os interessados devem comprar antecipadamente o ingresso para os jantares, pelo valor de 35 euros, que tem como base um menu de degustação com acompanhamento de vinhos. Numa lista de nove nomes, apresentamos, para já: Igor Martinho, do Restaurante Mãe Luísa, em Arrouquelas – Rio Maior e Carlos Gonçalves, do Marriot, na Praia Del Rey.

Nos dias 26, 27 e 28 de outubro a entrada é gratuita, das 12h00 às 15h00.

Outra das novidades deste festival é uma área reservada a Tasquinhas e Petiscos e o reforço de agroprodutos.

A Praça do Petisco é outra das novidades desta edição, que vai poder encontrar no Centro do Claustro da Casa do Campino. De modo a recuperar a tradição do Festival Nacional de Gastronomia, esta Praça do Petisco apresenta cinco tasquinhas que vão servir petiscos de diversas regiões do País. Neste local, o visitante pode ainda degustar os petiscos servidos nas Tasquinhas, bem como alguns dos muitos produtos em exposição nos stands dos Agro-produtos – outra grande aposta deste Festival, tornando este espaço um grande mercado de sabores.

O espaço das arcadas da Casa do Campino vai estar este ano exclusivamente ocupado por produtores, incluindo uma área para vinhos, instalada em colaboração com a AMPV – Associação dos Municípios Produtores de Vinho, enquanto o artesanato vai estar numa tenda gigante que faz a ligação entre a zona das bilheteiras e a entrada da Casa do Campino.

O Salão Nobre da Casa do Campino vai acolher dois seminários. O 1º Seminário – “Artes da Mesa, a excelência do Serviço”, decorre no dia 26 de outubro, das 10h00 às 18h00, e tem como objetivo ser um evento singular – ponto de encontro dos profissionais nacionais, com vista à partilha de casos práticos. Este seminário vai apresentar temáticas, como: o serviço de mesa vista como uma componente estruturante da gastronomia, bem como o elogio aos profissionais a quem cabe o acolhimento, o sentar, o aconselhamento das comidas e bebidas, a fidelização do cliente, vistas como pedra essencial no relacionamento entre os clientes da gastronomia e a restauração.

No dia 29 de outubro, decorre o 2º Seminário, sobre “New Food Bizz” – O que está a mudar no que antes chamávamos Negócio da Restauração.

Das 10h00 às 18h00, vão ser apresentados os novos negócios da gastronomia. A gastronomia no seu todo é um caminho que junta produtos e produtores, cozinheiros e suas confeções, serviço e restauração. Juntamos um painel de excelência para analisar, apreciar e perspetivar a evolução destes novos negócios. É um movimento visível por todo o País, como novos empreendedores que fazem surgir novas opções ao consumidor. O vereador Luís Farinha referiu que vão ser apresentados casos de Street Food.

A 35ª edição do Festival Nacional de Gastronomia conta também com a apresentação pública do Roteiro “Enogastronómico do Ribatejo”, com uma reunião do Capítulo Interno da Confraria Gastronómica de Santarém, bem como com a habitual animação musical e cultural que, à semelhança da edição do ano passado, se vai espalhar por todo o recinto. O vereador Luís Farinha referiu que uma das vozes que se vai juntar à 35ª edição do FNG é Carlos Alberto Moniz, com o seu último CD – “O Vinho dos Poetas”.

A entrada no FNG mantém o preço de dois euros/bilhete, enquanto as cadernetas de 10 bilhetes custam 15 euros e vão estar à venda no Complexo Aquático, Posto de Turismo de Santarém e Secretariado do Festival, na Casa do Campino.

O horário do certame funciona de domingo a quinta-feira, das 12h00 às 00h00 e à sexta-feira e sábado, das 12h00 à 01h00.

O Festival Nacional de Gastronomia é organizado pela Viver Santarém, SA e pela Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, com o apoio da Câmara Municipal de Santarém.

Redes Sociais
RSS
Follow by Email
Facebook

Google+

http://comercioenoticias.pt/2015/09/18/festival-de-gastronomia-de-santarem-realiza-se-de-22-de-outubro-a-1-de-novembro/
Twitter

Gina Morais EPRM Megamaior Megamaior Riografica

Comentar »

Deve iniciar sessão para comentar.