Bookmaker artbetting.co.uk - Bet365 review by ArtBetting.co.uk

Bookmaker artbetting.gr - Bet365 review by ArtBetting.gr

Germany bookmaker bet365 review by ArtBetting.de

Premium bigtheme.net by bigtheme.org

Onde cresce a escola?

Paulo Araujo 11 Setembro, 2017 0
Onde cresce a escola?
Por: Carla Ferreira – Psicóloga, Psicoterapeuta

A escola cresce nos olhos e no coração de todos os meninos e meninas que sonham em aprender a escrever numa folha de papel, as histórias do mundo real. Cresce nos professores que acartam nas pastas os livros, a sabedoria e a magia de fazer o milagre da multiplicação dos saberes, entre uma conta e um conto, entre uma letra e um pacote de leite com chocolate, no intervalo das dez. Cresce nos colos pacientes de quem lá trabalha, na vigia dos mais afoitos e dos menos brincalhões, sempre com uns olhos atentos que descobrem o tímido, o aventureiro, o fura-regras e o sem-medos, que salta do baloiço em andamento lá muito no alto, onde se pode cair de rabo no chão sem nunca perder de vista a aventura da repetição.

Um-dó-li-tá… A escola cresce no colo dos pais, das mães, das avós e dos avôs, e de todos os familiares que levam as crianças pela mão. No primeiro dia, no segundo, no terceiro, até que num ano maior um olhar de guarda substitui a segurança da proximidade, para mais longe, para tão longe quanto puder ser. Porque o tamanho da altura começa a ditar quem manda ali, e quem manda ali é a vontade de chegar sempre mais além, mais crescido e mais veloz, mais senhor do seu nariz.

A escola é um reino encantado que começa em Setembro, e que deixa na barriga de todas as pessoas a vida a correr, com borboletas que se multiplicam a mil à hora, desnorteadas e sem descanso. Os dias encolhem à medida que a mente caminha na direcção do futuro, e todas as pessoas e todos os abraços são bem-vindos nestes dias. Sim, nestes dias, tudo é futuro. Mas nestes dias também podemos contar com a presença muito assídua do medo, aquele bichinho invisível que deixa um nó no peito dos pequeninos, dos médios e dos grandes, e de todos os que respiram de perto mochilas, apara-lápis, cadernos e lápis de cor. É por isso que nestas alturas todos os xi-corações são precisos. Todas as palavras amigas ganham um lugar especial, todos os olhos adocicados sabem a um mel muito especial, chamado segurança ou confiança. – Eu estou aqui para te ensinar, mas também para te escutar. “- Eu vigio as tuas travessuras, mas também te curo uma ferida, se for o caso, mesmo das que não conseguimos ver com os olhos. – Eu deixo-te na escola mas venho buscar-te, mais logo, na hora do mimo e da saudade. – Eu levo-te para longe mas fico aqui de guarda, sabendo que os teus sonhos têm dias de pesadelo, de solidão e de incerteza, de notas más pela primeira vez na tua vida, de praxes que te ligam ao mundo mas te envergonham de ti.”

O inicio da escola é a data mais importante do ano, para todos os meninos e para todos os jovens. É a altura em que deveríamos andar de mãos dadas numa roda gigantesca onde todos, sem excepção, se sentissem no elo da vida. A escola cresce em todos e para cada um, pincelada num quadro que guardaremos para sempre na nossa memória. Como um castelo, cheio de quartos e de lugares fascinantes, que mesmo escondidos, estarão sempre lá.

Redes Sociais
RSS
Follow by Email
Facebook

Google+

http://comercioenoticias.pt/2017/09/11/onde-cresce-a-escola/
Twitter

FPRM Gina Morais Megamaior Riografica

Comentar »

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.